Pular para o conteúdo principal

matéria do estado do rio de janeiro . região serrana ; petrópolis rj.

Vigilância Sanitária divulga novos dados sobre a dengue no município

Repórte
Rubem de Paula

Com uma média municipal de 0,2% de incidência de focos de dengue, Petrópolis, no momento, está classificada como cidade de baixo risco em relação à doença. O dado é resultado do Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti(LIRAa), o quarto do ano no município, realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Sanitária Municipal, entre os dias 15 e 24 de outubro.
“O resultado de certa forma favorável não significa que os cuidados com a dengue devam diminuir, mas o inverso. Petrópolis deve ficar muito atenta à doença para evitar histórias trágicas, principalmente nessa época do ano em que as chuvas aumentam. Outro dado de extrema importância que descobrimos com o levantamento foi que a maior presença de focos do mosquito, que representa mais da metade dos casos, está no descuido dentro de casa. Por isso, como principal recomendação, é importante lembrar que vasos de plantas devem ser devidamente limpos com uma buchinha ou ainda preenchidos com terra, o que elimina a possibilidade de tornar o local um espaço adequado para os ovos do mosquito”, explicou o coordenador da Vigilância Sanitária, Eduardo de Lucena.
Dos 81 bairros que integram o município, 59 foram pesquisados nesta etapa. O resultado final do levantamento apresentou positividade para oito bairros, onde foram encontradas as larvas do mosquito. O conjunto que inclui Corrêas, Roseiral e Carangola apresenta médio risco, com 1,3% da média total da cidade. Já os bairros Alto da Serra, Quissamã, Alcobacinha, Nogueira e Posse apresentam baixo risco, com variações de 0,2 % a 0,5%.
Foram pesquisados no último LIRAa do ano 4.910 imóveis, selecionados a partir de um sorteio amostral. “Em Petrópolis fizemos quatro levantamentos durante o ano, o que representa um a mais do que o recomendado pelo Ministério da Saúde, a partir da portaria N° 2557 de 2011. Faremos também nossa campanha para conscientizar um número cada vez maior de pessoas em relação aos cuidados necessários para combater a dengue. Agora cabe à população fazer a parte dela”, frisou Eduardo. 

Segundo a Vigilância Sanitária, qualquer depósito que esteja principalmente com água limpa e parada pode virar um criadouro para o mosquito. Para evitar a proliferação do inseto, a recomendação é que sejam dedicados cerca de dez minutos semanais para monitorar e cuidar do lar. “Os principais pontos que devem ser observados nas casas estarão destacados em folders. O material vai ser distribuído no decorrer das próximas semanas e destaca medidas simples que protegem a pessoa no local onde ela mora e também preservam a saúde da vizinhança. Os cidadãos possuem deveres em relação ao controle da doença, é uma questão social”, destacou Eduardo.

Dentre os principais criadouros observados em Petrópolis, a predominância aponta para a classificação tipo ‘B’, com a presença dos ovos do mosquito em vasos e pratos, frascos de plantas e bebedouros de animais. “Isso demonstra que a população ainda não está acreditando que esses são focos importantes do mosquito”, pontuou Eduardo. Ainda de acordo com o levantamento, os outros principais focos são: lixo e outros resíduos sólidos, depósitos naturais como buracos em árvores e bromélias, além de pneus e outros materiais.

Nesse sentido, a Vigilância Sanitária destaca opções simples que contribuem para eliminar os criadouros. Bebedouros de animais, assim como vasinhos de plantas, devem ser limpos com uma buchinha. Para o lixo, a recomendação é que sacos e latas fiquem bem fechados. Em relação aos pneus, a vigilância frisou o trabalho realizado pela Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep), que faz a coleta do material. Para isso, é necessário solicitar o agendamento da coleta por meio do telefone 2243-3262.      

“Além dos cuidados domiciliares, também cabe ao cidadão permitir a entrada dos agentes na casas para verificar se existe ou não algum foco do mosquito, lembrando apenas de verificar se estão devidamente identificados como funcionários da Vigilância Sanitária. É um trabalho complementar para auxiliar a cidade a controlar a dengue”, esclareceu Eduardo.

jornalista. rubenn dean
tel.021.9337.4123
facebook. eddie rubenn dean murphy


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estudo do Ministério do Turismo mostra que aumenta o número de viajantes solitários e o desejo de se hospedar na casa de amigos e parentes

REPÓRTER. RUBENN DEAN PAUL ALWSMATÉRIA DE HOJE.MAT.ABR.2014/0143DRT.33.689-1RJJovens querem viajar sozinhos, revela pesquisaEstudo do Ministério do Turismo mostra que aumenta o número de viajantes solitários e o desejo de se hospedar na casa de amigos e parentes

Os brasileiros estão mais empenhados em viajar sozinhos. É o que mostra uma pesquisa do Ministério do Turismo que mede a intenção de viagem do brasileiro pelos próximos seis meses. O percentual atingiu 17,7% dos brasileiros que pretendem viajar. Em fevereiro do ano passado, esse valor era de 13,1%.
O aumento ocorre em todas as faixas etárias, sendo mais acentuado entre os turistas de até 35 anos, grupo que registrou alta de dez pontos percentuais. A pesquisa não revela as razões pelas quais a turma dos viajantes solitários ganha cada vez mais adeptos, mas a independência financeira das mulheres é uma das razões apontadas por especialistas.
Também chamou a atenção o fato de os turistas jovens aderirem cada vez mais a hospedagens n…

RADIO MUSICAL PETROPOLIS RJ 91.1 FM .... JORNAL DIARIO DE PETROPOLIS RJ LTDA ... JORNALISTA/APRESENTADOR/LOCUTOR/REPORTE...RUBENN DEAN PAUL ALWS

Governo busca evitar combinação de preços para Copa do Mundo 2014
O sigilo dos preços para as obras da Copa do Mundo Fifa 2014 tem por objetivo evitar a combinação de preços e assegurar que os empreendimentos tenham o menor custo possível. A informação foi dada pela presidenta Dilma Roussef, nesta sexta-feira (17/6), em Ribeirão Preto (SP), após cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012. A presidenta Dilma afirmou que os critérios foram estabelecidos em acordo com o Tribunal de Contas da União (TCU). Na entrevista, Dilma Roussef sugeriu que os jornalistas "investiguem direitinho". A presidenta informou que as diretrizes adotadas pelo governo brasileiro seguem "as melhores práticas" de outros países. Segundo ela, se determinada empreiteira for para o leilão sabendo, por exemplo, o preço mínimo fixado para determinada obra poderá colocar um lance mais …

MATERIA DO JORNAL EXTRA SOBRE OS ONIBUS E LINHAS DO RIO DE JANEIRO

Nova frota de ônibus do Rio será apresentada no dia 22Novo ônibus do Rio está sendo produzido pela empresa Neobus Foto: DivulgaçãoCíntia Papa Tamanho do textoAAA Senhores passageiros! Acomodem-se em seus lugares porque vai começar a viagem a bordo dos cem ônibus da nova frota do Rio. No Dia Mundial sem Carro, em 22 de setembro, os motoristas terão um motivo a mais para deixar o automóvel em casa e optar pelo transporte coletivo. Nessa data, a prefeitura vai apresentar aos cariocas os novos coletivos que serão usados no Sistema Bus Rapid System (BRS) — corredores rápidos para ônibus. E o EXTRA revela, com exclusividade, como serão os novos modelos.
Parte da nova frota começa a circular este mês, nas pistas exclusivas de Ipanema, Leblon e Copacabana, os primeiros BRSs inaugurados na cidade.
O secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão, afirmou que a nova frota trará inúmeros benefícios aos usuários, sobretudo para os idosos e os portadores de necessidades especiais: