Pular para o conteúdo principal

Rio 48º: saiba quais são as doenças mais comuns no verão

REPÓRTER RUBENN DEAN
MAT.ABR.2013/0143
DRT.33.689-1RJ

Rio 48º: saiba quais são as doenças mais comuns no verão

Queimaduras, desidratação, micoses, intoxicação alimentar e dengue são algumas das doenças que mais levam pessoas às unidades de saúde durante o período mais quente do ano. O verão só começa em 21 de dezembro, mas o calor já está aí. Hora de reforçar os cuidados com a saúde

Considerada por muitos a época mais gostosa do ano, o verão, para ser bem aproveitado, exige atenção especial à saúde. Entre as causas que mais levam pessoas às unidades de saúde nesta estação estão queimaduras, insolação, desidratação, micoses, intoxicação alimentar e dengue. São cuidados simples que podem garantir o bem-estar das pessoas.

O excesso de exposição ao sol é a principal causa da desidratação, caracterizada pela perda excessiva de líquido, queimaduras, que podem causar lesões na pele que vão desde uma vermelhidão até a formação de bolhas, e insolação, que é o aumento excessivo da temperatura do corpo. Entre os cuidados que as pessoas precisam ter para evitar estes problemas estão ingerir bastante líquido, uso diário de filtro solar e evitar a exposição excessiva ao sol no período entre 10h e 16h. É importante lembrar que a exposição ao sol é um dos fatores de risco para que se desenvolva o câncer de pele.

Oswaldo de Araújo trabalhava como pesquisador nas ruas de Copacabana, no Rio de Janeiro, e após ficar horas exposto ao sol, sem usar filtro solar ou boné, teve queimaduras na pele e precisou buscar atendimento médico.


- Comecei a me sentir mal, com a respiração alterada e tive queimaduras no rosto, pescoço e braço. A médica me receitou um creme para a pele, repouso e ingestão de água. Aprendi que temos que ter cuidado com o sol – diz Oswaldo.

É comum durante o verão o registro nas unidades de saúde de aumento no número de casos de intoxicação alimentar. Isso acontece porque o calor faz com que os alimentos se deteriorem mais rapidamente. Por isso, é necessário estar atento para não deixar comida fora da geladeira. Outro cuidado é com o transporte de alimentos, que deve ser feito em bolsas térmicas com gelo.

Casos de micose também são recorrentes nesta época. Isso porque o calor e a umidade da pele estimulam a proliferação de bactérias. Entre as áreas do corpo em que isso é mais comum estão virilha, dobra dos seios e dos pés. A medida para evitar a micose é manter essas regiões sempre bem secas.

- As pessoas precisam estar atentas à saúde durante o verão. Ingerir muita água, usar filtro solar, não deixar comida fora da geladeira e evitar focos do mosquito da dengue são algumas medidas básicas, mas importantes, principalmente, entre os idosos e as crianças, que são os que mais sofrem com doenças típicas desta época do ano – explica Alexandre Chieppe, superintendente de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Secretaria de Estado de Saúde.

Atenção especial para a dengue – A junção da água parada com o calor é o cenário ideal para a proliferação do mosquito da dengue. Por isso, todos os anos há um aumento considerável no número de pessoas que adoecem após serem picadas pelo mosquito Aedes aegypti neste período. A principal medida que a população precisa adotar é evitar focos do mosquito presentes em copos plásticos com água, pneus, vasos de planta, piscina descoberta, entre outros. Mas, uma vez que a pessoa apresente sintomas como febre, dor no corpo e de cabeça, manchas vermelhas, dor atrás dos olhos, ela deve procurar imediatamente a unidade de saúde mais próxima da sua casa. O tratamento é feito por meio de hidratação e acompanhamento médico regular.

jornalista . rubenn dean
tel.021.9337.4123
email.
rubenndeanrj@gmail.com
facebook.
eddie rubenn dean murphy
twitter@rubenndeanpaulalw

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estudo do Ministério do Turismo mostra que aumenta o número de viajantes solitários e o desejo de se hospedar na casa de amigos e parentes

REPÓRTER. RUBENN DEAN PAUL ALWSMATÉRIA DE HOJE.MAT.ABR.2014/0143DRT.33.689-1RJJovens querem viajar sozinhos, revela pesquisaEstudo do Ministério do Turismo mostra que aumenta o número de viajantes solitários e o desejo de se hospedar na casa de amigos e parentes

Os brasileiros estão mais empenhados em viajar sozinhos. É o que mostra uma pesquisa do Ministério do Turismo que mede a intenção de viagem do brasileiro pelos próximos seis meses. O percentual atingiu 17,7% dos brasileiros que pretendem viajar. Em fevereiro do ano passado, esse valor era de 13,1%.
O aumento ocorre em todas as faixas etárias, sendo mais acentuado entre os turistas de até 35 anos, grupo que registrou alta de dez pontos percentuais. A pesquisa não revela as razões pelas quais a turma dos viajantes solitários ganha cada vez mais adeptos, mas a independência financeira das mulheres é uma das razões apontadas por especialistas.
Também chamou a atenção o fato de os turistas jovens aderirem cada vez mais a hospedagens n…

RADIO MUSICAL PETROPOLIS RJ 91.1 FM .... JORNAL DIARIO DE PETROPOLIS RJ LTDA ... JORNALISTA/APRESENTADOR/LOCUTOR/REPORTE...RUBENN DEAN PAUL ALWS

Governo busca evitar combinação de preços para Copa do Mundo 2014
O sigilo dos preços para as obras da Copa do Mundo Fifa 2014 tem por objetivo evitar a combinação de preços e assegurar que os empreendimentos tenham o menor custo possível. A informação foi dada pela presidenta Dilma Roussef, nesta sexta-feira (17/6), em Ribeirão Preto (SP), após cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012. A presidenta Dilma afirmou que os critérios foram estabelecidos em acordo com o Tribunal de Contas da União (TCU). Na entrevista, Dilma Roussef sugeriu que os jornalistas "investiguem direitinho". A presidenta informou que as diretrizes adotadas pelo governo brasileiro seguem "as melhores práticas" de outros países. Segundo ela, se determinada empreiteira for para o leilão sabendo, por exemplo, o preço mínimo fixado para determinada obra poderá colocar um lance mais …

MATERIA DO JORNAL EXTRA SOBRE OS ONIBUS E LINHAS DO RIO DE JANEIRO

Nova frota de ônibus do Rio será apresentada no dia 22Novo ônibus do Rio está sendo produzido pela empresa Neobus Foto: DivulgaçãoCíntia Papa Tamanho do textoAAA Senhores passageiros! Acomodem-se em seus lugares porque vai começar a viagem a bordo dos cem ônibus da nova frota do Rio. No Dia Mundial sem Carro, em 22 de setembro, os motoristas terão um motivo a mais para deixar o automóvel em casa e optar pelo transporte coletivo. Nessa data, a prefeitura vai apresentar aos cariocas os novos coletivos que serão usados no Sistema Bus Rapid System (BRS) — corredores rápidos para ônibus. E o EXTRA revela, com exclusividade, como serão os novos modelos.
Parte da nova frota começa a circular este mês, nas pistas exclusivas de Ipanema, Leblon e Copacabana, os primeiros BRSs inaugurados na cidade.
O secretário municipal de Transportes, Alexandre Sansão, afirmou que a nova frota trará inúmeros benefícios aos usuários, sobretudo para os idosos e os portadores de necessidades especiais: