Pular para o conteúdo principal

Tire suas dúvidas sobre vacinação contra HPV

REPÓRTER. RUBENN DEAN
MAT.ABR.2014/0143
DRT.33.689-1RJ

Tire suas dúvidas sobre vacinação contra HPV

Superintendente de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Secretaria de Saúde esclarece as principais questões enviadas pelo público através das redes sociais do Governo do Estado. Campanha completa 10 dias e ganha reforço do PAM Cavalcanti

Iniciada há exatos 10 dias, a vacinação contra o HPV ainda causa dúvidas em pais e responsáveis do público-alvo da campanha: meninas de 11 a 13 anos. Para esclarecer os principais pontos sobre o assunto, entrevistamos o superintendente de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Secretaria de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe. Além disso, o PAM Cavalcanti também está reforçando sua colaboração com a campanha: uma equipe de profissionais de saúde da unidade estadual está percorrendo as escolas da região vacinando alunas dentro da faixa etária determinada. A estimativa é imunizar cerca de 1.000 meninas até o final da campanha. Para viabilizar o projeto, a coordenação do PAM se reuniu com as direções e coordenações pedagógicas das escolas locais para esclarecer dúvidas relacionadas à vacina e ao HPV.
O VÍRUS
O que é o HPV? 
Alexandre Chieppe: É o Vírus do papiloma humano. Este vírus infecta células da pele e mucosas. Existem diversos tipos diferentes e alguns são capazes de infectar células do trato genital.

Como ocorre a transmissão do vírus?
AC: Por contato direto com pele e mucosa infectadas. Na grande maioria das vezes, a transmissão ocorre através da relação sexual sem proteção.

Como age o vírus? 
AC: O vírus age nas células da pele e mucosas. Os sinais mais comuns são verrugas genitais ou condilomas acuminados, popularmente conhecidos como "crista de galo" ou “cavalo de crista”. Em alguns casos, a pessoa não percebe qualquer lesão aparente, mas as alterações causadas pelos vírus nas células podem estar ocorrendo e ocasionando alterações que, no futuro, podem evoluir para o câncer de colo de útero.

Qual é a incidência de infecção de HPV? 
AC: Não existem dados precisos de prevalência do HPV no Brasil. Entretanto, estima-se que entre 25% e 50% da população feminina e 50% da população masculina mundial esteja infectada pelo HPV. Porém, a maioria das infecções é transitória, sendo controlada pelo sistema imunológico, regredindo espontaneamente.

O que é câncer de colo de útero? 
AC: É um tumor que se desenvolve a partir de lesões celulares no colo de útero. Na grande maioria dos casos, o câncer de colo do útero está relacionado à infecção pelo HPV. É importante ressaltar que nem todas as mulheres com infecção pelo HPV desenvolverão a doença.

A VACINA

Quem tem direito a receber gratuitamente a vacina contra HPV?
AC: O alvo dessa vacinação na rede pública de saúde é meninas entre 11 e 13 anos. Em todo o estado, o objetivo é imunizar cerca de 400 mil adolescentes.

Qual critério estabelecido para definição do público alvo desta campanha? Há previsão de uma vacinação para outras faixas etárias nos próximos anos? 
AC: O público-alvo foi definido levando-se em consideração estudos que avaliam a eficácia da vacina. Em 2015, serão vacinadas meninas entre 9 e 11 anos e, em 2016, meninas com 9 anos. Os homens, que não foram incluídos na campanha, estarão protegidos na medida em que as mulheres estiverem imunizadas.

A vacina é restrita apenas às mulheres que ainda não foram infectadas? 
AC: Não. A vacina, na rede pública de saúde, é restrita à faixa etária preconizada pelo Ministério da Saúde, independente do início da vida sexual. 

Qual é o período de proteção oferecido pela vacina? 
AC: A duração da imunidade conferida pela vacina ainda não está completamente definida, pois o tempo de estudo até o momento é de 8 a 9 anos. Até este momento ela continua com a mesma eficácia. 

O HPV é um vírus com diferentes subtipos. Quais estão englobados na proteção oferecida pela vacina? 
AC: A vacina quadrivalente protege contra os subtipos 6,11,16 e 18.

Onde ocorre a vacinação? 
AC: Nos postos de saúde e nas escolas, de acordo com cronograma definido pelas Secretarias Municipais de Saúde.

PREVENÇÃO e TRATAMENTO

Além da vacinação, há outras formas de prevenção do HPV e do câncer do colo do útero? 
AC: Usar preservativo em todas as relações sexuais ajuda a reduzir muito o risco de infecção pelo HPV. Além disto, a realização regular do exame Papanicolaou (preventivo de câncer de colo de útero) permite a detecção precoce das lesões causadas pelo HPV. 

Como é feito o diagnóstico?
AC: Pode ser feito pelo histórico clínico e exame físico do paciente, auxiliado por métodos complementares, como o exame preventivo (Papanicolaou), colposcopia e por técnicas de biologia molecular.

Meninos e meninas em faixa etária diferente do foco da campanha podem ser vacinados pela rede particular? 
AC: Sim. As vacinas estão disponíveis em clínicas de vacinações particulares.

jornalista. rubenn dean
tel.021.9337.4123
email.
rubenndeanrj@gmail.com
facebook.
eddie rubenn dean murphy
twitter@rubenndeanpaulalw



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trabalho do Senac - Rio .

SENAC- RIO
Trabalho em Grupo. Alunos: Karien, Viviane, Sandra, Denise e Rubem (Cinco integrantes)


Assunto: Casamento Cigano: Curiosidades, Tradições e Rituais.
O casamento é uma das tradições mais antigas e veneradas deste povo conhecido por viver de forma livre e sem raízes profundas em alguma cidade. São eventos tradicionais, antigos e bem duradouros. As festas ciganas costumam durar um dia inteiro, e um casamento cigano segue o mesmo ritmo de eventos que podem durar dias de pura diversão. É uma festa bonita, tradicional, colorida e bem curtida mesmo!

No casamento tradicional cigano, o evento começa anos antes, pois este povo tem o costume de prometer a noiva à família do noivo quando ela mal entrou na adolescência. É uma forma de arranjo formal sim, uma união de famílias queridas. Há sim um interesse financeiro em posses, mas os laços e o bom relacionamento familiar conta bastante na promessa da noiva ao noivo.
O pedido de casamento é feito do noivo para o pai da noiva, alguns meses antes…

PERSONALIDADES PETROPOLITANAS 2014 - LISTA DOS ELEITOS‏

Estarei presente nesse evento:


Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro: Petrópolis. Jornalista/Repórter.Rubenn Dean Paul Alws. Mt.Abr.2014/0143 ... Drt.33.689-1rj PERSONALIDADES PETROPOLITANAS 2014 Eleitos recebem título em festa no Petropolitano FC Em sua 29ª edição a Festa das Petropolitanas 2014 será realizada na quinta-feira, dia 04 de dezembro, às 20h30, na sede social do Petropolitano Futebol Clube. A cada ano uma comissão formada por representantes das mídias locais se reúne para eleger os que mais se destacaram em suas áreas de atuação na cidade, após uma detalhada fase de classificação através de indicações dos canais de TV, rádios, jornais e entidades ligadas a cada categoria. Os eleitos são laureados durante uma grande festa. O evento é de criação e coordenação do Padre José Augusto Carneiro - Padre Jac, pároco da Catedral São Pedro de Alcântara e contará com o serviço do Sandra’s Buffet, decoração de Anderson Barcellos, som e iluminação da Styllo’s, cobertura fotográfica de And…

ALERJ; Câmara dos Deputados Estaduais do Estado do Rio de Janeiro.

Alerj.
Matéria de hoje.
Jornalista/Repórter. Mat.Abr.2014/0143 ... Drt.33.689-1RJ

MP TERÁ AUXÍLIO-MORADIA NO VALOR DOS MINISTROS DO SUPREMO 
Free Lance ... Radialista/Locutor/Apresentador.Drt.17.429-1RJ





Rubenn Dean
O auxílio-moradia dos procuradores de justiça do estado será fixado com base no valor do benefício pago aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que hoje corresponde a R$ 4.377,73, vedando o escalonamento entre as classes de carreira. O projeto de lei complementar 41/14, do Ministério Público, será votado na Assembleia Legislativa do Rio, nesta terça-feira (11/11), em discussão única. Ele volta à pauta depois de receber três emendas.

O texto original fixava o benefício em 18%, mas acabou sendo modificado por substitutivo aprovado em Plenário. Outra alteração feita pela Casa diz respeito aos efeitos financeiros dessa concessão, que passarão a valer a partir de 1º de janeiro de 2015. O projeto altera a Lei Orgânica do Ministério Público no capítulo sobre vencimento, vanta…